listas

10 MELHORES ABERTURAS DE FILME

Aberturas bem feitas de filme são incríveis e devem, sim, fazer parte de um filme e não é desnecessário como muitos pensam. Elas ambientam a trama do filme e te dão a sensação que irá permear toda a história, te animam, te deixam na vibe e ansioso para história que você está prestes a assistir.

Muitas dessas aberturas mostradas aqui fizeram mais sucesso pela música do que pelas cenas, essas músicas se tornaram marcos (afinal trilha sonora é uma coisa incrível em um filme) e até hoje quando são ouvidas trazem de volta essa imagem do filme.

  1. Rei Leão (The Lion King)

Quão idiota seria eu de não botar essa coisa maravilhosa na lista? Come on NIÁCHIMETIBÁDATITIBABA (sou auto de data em línguas africanas bjs de luz) é um marco das interpretações embaixo do chuveiro junto com Beyoncé! Essa abertura é uma das mais faladas e copiadas do cinema, todo mundo “sabe” cantar aquela música e se anima com tudo que está para acontecer, tem Simba nascendo, macaco mágico, famílias felizes, natureza, pôr do sol… Melhor que isso não fica.

Essa abertura é um exemplo perfeito de como uma abertura te deixa animado. Depois que você assiste é obvio que você quer ver o filme todo, até porque “é o ciclo sem fiiiiim…”

Circle of Life: composição de Elton John e letra de Tim Rice

  1. A Fantástica Fábrica de Chocolate (Charlie and the Chocolate Factory)

Música por: Danny Elfman

Seguindo a linha filme de crianças (ou será que não?) tem essa abertura incrível de A Fantástica Fábrica de Chocolate. Eu gosto dela porque a música cria todo um ritmo da produção que esta acontecendo e cria uma atmosfera bastante obscura e secreta da fábrica. Uma coisa legal é que ao final da abertura não há um corte abrupto para que a história do filme aconteça, pelo contrário, é exatamente por conta da abertura que a história do filme se dá, é como uma linha de pensamento e não é qualquer abertura que faz isso.

  1. A Pantera Cor-de-Rosa (The Pink Panther)

Quem não conhece esse desenho, não é mesmo? E mais que o desenho, quem não conhece essa composição genial de Henry Mancini? O cara teve 20 Grammys, 18 Indicações e 4 Oscars, 1 Golden Globe e 2 indicações para o Emmy. Nem preciso dizer mais nada.

  1. Zumbilândia (Zombieland)

Essa não é uma intro normal, e convenhamos nem é um filme normal. Eu sou apaixonada por esse modelo de comédia, não de zumbis,  mas sarcástica e de um humor negro sem limites.

O começo do filme o personagem Columbus , interpretado por Jesse Eisenberg, lista regras básicas para se sobreviver a um ataque zumbi. Brilhante. E ele lista os melhores tópicos de sobrevivência, que ajudaram ele e os que ele segue religiosamente. Significa que só nisso você já sabe quem o personagem principal é, não fisicamente, mas psicologicamente.

Após sua lista vem um panorama de como está o EUA depois do ataque zumbi, e minha gente é hilário. Vemos sequêcias de ataques em câmera lenta com direito a muito sangue e efeitos incríveis, tudo ao som de Metallica, For Whom The Bell Tolls. Sensacional!

  1. Apocalipse Now (Apocalypse Now)

Arrombando a porta e mandando todo mundo abaixar porque é tiro, Apocalypse Now começa com a emblemática (é pra mim uma das músicas mais bem encaixadas do cinema) The End da banda The Doors. Uma tirada muito bem pensada pelo próprio Coppola, que sempre participa de tudo em seus projetos, e de seu PAI (é minha gente, essa família só produz talento nato) Carmine Coppola. É uma introdução cheia de destruição e sobreposição de imagens que resumem bem o mood do filme. A destruição da natureza e da natureza do homem. Simplesmente incrível.

Sou um pouco suspeita porque amo demais esse filme. Lembro que o vi ainda no comecinho da adolescência e ele mexeu bastante comigo e com a minha percepção das coisas. É um filme fantástico e recomendo para todos, está definitivamente na minha lista de Fundamentais.

OBS: O filme é uma adaptação de um clássico da literatura O Coração das Trevas do escritor Joseph Conrad. Também recomendo ler (é uma novela super curtinha), pois são duas obras independentes e maravilhosas.

  1. Melancolia (Melancholia)

Lars Von Trier não é o favorito de muita gente (vide Cannes cof cof), nem seus filmes polêmicos, intensos e densos. Eu particularmente gosto bastante dos filmes dele, me fazem pensar, me fazer sentir muitas coisas, diferente desses filmes hollywodianos que estamos tão acostumados (não tenho problema nenhum com eles, que fique claro). E uma marca de seus filmes são as aberturas loucas e impactantes.

Eu gosto MUITO da entrada desse filme, acho visceral, chocante (ok, a de Anticristo é mais, mas quem se importa?), te deixa meio embasbacado meio sem saber como lidar, e me deixou hipnotizada. Fiquei tão envolvida naquela atmosfera que o filme me pegou ali mesmo. Achei muito bacana o trabalho feito e mostra exatamente como o filme é.

  1. Star Wars

John Williams não criou um tema musical, criou um hino, imortalizou um fandom lá nos anos 70 baby. And that my friend, is how u do it. Não é pra qualquer um e ele foi brilhante.

A abertura (e a história) de Star Wars tem tanta coisas simbólicas que chega a ser estranho. Eu sei que é assim que uma mídia tão impactante, com a ajuda de uma base de fãs enorme e incríveis, funciona, mas para isso acontecer você TEM que quebrar padrões e essa abertura faz exatamente isso. A música mexe com você, a frase mais copiada e falada do cinema (“A long time ago in a galaxy far, far away…”), e as letrinhas rolando, nada disso tinha acontecido dessa forma no cinema e chocou, óbvio. E o resultado foi incrível.

Star Wars é uma franquia imensa com bilhões de fãs e eu acredito que boa parte disso é por conta dessa abertura.

O canal Luz Câmera Ação fez uma lista das Top 10 trilhas sonoras do John Williams que vale super a pena conferir:

  1. Prenda-me se For Capaz (Chatch Me If You Can)

Falando de John Williams vou aproveitar essa parte pra falar o lattes do cara HAHA : 50 Indicações ao Oscar – Ganhou 5, 6 Indicações ao Emmy – Ganhou 3, 25 Indicações ao Golden Globe – Ganhou 4, 65 Indicações ao Grammy – Ganhou 22. Ele tem o recorde de pessoa viva mais indicada ao Oscar e o segundo maior indicado ao Oscar na história da premiação (fica atrás de Walt Disney of course). Com um currículo desse é obvia a criação de um hino como foi em Star Wars ali em cima, e ele fez isso por um numero absurdo de filmes que são clássicos do cinema por suas trilhas sonoras.

Ele trabalha com o Spielberg (diretor desse filme que vos falo) desde 1974, então obviamente fez parte desse projeto. Nesse filme temos uma abertura de animação cheia de correria e divertida. A animação mostra exatamente esse “corrida” do personagem de Tom Hanks atrás do personagem de DiCaprio, que é baseada em uma história real. E a música da um clima de suspense super bacana.

Essa abertura é tão famosa que foi copiada pelo programa The Simpsons, e ficou uma graça:

  1. Skyfall

Adele. Pronto, já falei tudo kkkkkk

Brincadeiras a parte, esse filme vem quebrar um círculo vicioso e já meio gasto da franquia do agente 007 e de uma forma muito bonita e fiel. Eles abriram mão da vinheta e do conhecido para mostrarem algo novo, que já vinha sendo elaborado aos poucos desde que o Craig se tornou o agente mais famoso da história do cinema.

Após uma sequência de ação INCRÍVEL, que já te põe no meio do que está se passando para enfim dar gancho ao filme, tem-se uma cena que imediatamente se conecta à introdução musical e gráfica do filme e o resultado foi genial. Essa música da Adele – criada especialmente para o filme – é linda, esplendorosa e cantada de forma magnífica, e não à toa levou o Oscar de melhor canção original.

Ótimas imagens, cada uma contendo um pouco de tudo que aparece ao longo do filme. E btw, adoro esse filme.

  1. 2001: Uma Odisséia no espaço (2001: A Space Odyssey)

TODO MUNDO CONHECE ESSE POEMA SINFÔNICO POR CAUSA DESSE FILME. Kubrick fez uma música clássica ficar popularmente famosa por esse filme, apesar de pouca gente saber disso. Até porque, vamos falar a verdade, no fim do dia quase ninguém assistiu á 2001: Uma Odisséia no Espaço. É um filme meio cult demais para algumas pessoa (o que não concordo), e Kubrick é meio difícil de engolir, para mim ele é o rei dos filmes que todo mundo diz que viu, mas é mentira apenas por virarem ícones por algum motivo (Here is Johnny!).

Johann Strauss II escreveu essa obra de arte chamada “Also sprach Zarathustra”, baseada na obra de Friedrich Nietzsche, e se você não sente uma emoção louca quando ouve essa sinfonia você tem sérios problemas. É uma melodia que te fazem vibrar por dentro.  E quando Kubrick uniu essa beleza com as imagens impressionantes do filme foi uma coisa de louco! É pura experiência cinematográfica em sua plenitude!

Não sou a maior fã desse filme não, mas vale super a pena, sempre, ver um filme do Kubrick.

MENÇÃO HONROSA: 007

Eu sei que eu botei um 007 ali em cima, mas como disse, pra mim, aquela é a melhor abertura de todas, muita bem bolada, impactante e foge completamente do padrão das aberturas de 007. Porém isso não significa que essas aberturas não sejam magníficas. E assim como em Star Wars, por ser uma franquia grande claro, as aberturas são bastante parecidas, porém em 007 elas estão sempre mudando de alguma forma dentro de uma fórmula que faz muito sucesso: música + design gráfico + um homem lindo.

Durante anos, por mais diferentes que fossem os 007 ou a estética do design tinha-se sempre aquela vinheta da mira e dos 007 atirando nela, que eu acho fascinante porque faz a pessoa já esperar por aquilo. Numa franquia você prende o espectador por essas repetições, temos “Hasta La Vista”, a frase de Star Wars, a própria fala “Bond, James Bond”. E não pode faltar falar da música tema, que é icônica, todo mundo que ouve já associa com 007, feita por John Barry & Orchestra.

No vídeo se tem um mash-up das intro dos filmes, porém a que mais me marcou sem dúvida foi a que Paul McCartney canta Live and Let Die, e é tão impactante (de propósito) que o filme leva o nome da música (007: Live and Let Die). Me marcou porque foi meu primeiro 007 e naquela época eu já era louca nos Beatles, só juntou o útil ao agradável.

É isso pessoal, dêem suas opiniões, digam que filme eu deixei de botar, fiquem a vontade!

OBS: a ordem não é qualitativa, ok? Só sai anotando num caderno e depois botei pra cá.

Anúncios

2 comentários em “10 MELHORES ABERTURAS DE FILME

  1. Amei Bela!! A abertura de O Rei Leão é realmente fantástica, a gente entra total no clima do filme! E o que seriam essas aberturas todas sem as trilhas maravilhosas? Adorei também a menção honrosa às de 007, são demais! Beijos!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s